Idade é uma questão de  sentimento, não de tempo.

George William Curtis

motivacional-idade

Embora vivamos numa cultura que idolatra a juventude, eu na verdade anseio por envelhecer. Em vez de, logo de saída, rejeitar minhas opiniões sobre as vantagens do envelhecimento, dê uma chance a elas, e acredito que você concordará que faz sentido tirar o maior proveito possível daquilo que é inevitável.

Certamente vivemos a melhor época desde o inicio da história humana. O homem nunca esteve tão adaptado, tão bem informado ou com a mente tão aberta. O progresso da medicina nos trouxe grandes benefícios. Um bebê nascido em 1920, por exemplo, teria uma expectativa de vida de pouco mais de 50 anos, hoje ela é superior a 70. Para quem chega aos 100 anos, as descobertas sobre os cuidados com o corpo e as inovações na medicina melhoraram quase inacreditavelmente a qualidade dos últimos anos de vida. Alem disso, o fato de podermos acumular e divulgar nossos conhecimentos torna a vida ainda mais fantástica. Novas perspectivas, ideias e possibilidades surgem a cada dia.

Nesse contexto, claro que é magnífico ser jovem. Mas a juventude tem um preço elevado, além de uma serie de desvantagens. Antes de mais nada, uma boa instrução universitária muitas vezes depende de um alto investimento financeiro em segundo lugar, o inicio de uma carreira é uma fase complicada: encontrar emprego é difícil e os salários costumam ser baixos nos primeiros anos; mesmo os seguros contra acidentes de trânsito são mais caros para os jovens (já que o risco de acidentes é maior); em quarto lugar, dados de 2009 mostraram que quase 90% das vitimas de homicídios no Brasil tinham menos de 50 anos, em quinto, pesquisas feitas nos Estados Unidos revelaram que pessoas entre 21 e 44 anos faltam mais ao trabalho por motivos de saúde do que empregados mais velhos; e finalmente, o risco de doenças mentais é muito mais elevado durante a adolescência e a juventude.

Estou convencido de que o passar do tempo melhora nossas vidas, nos permitindo realizar mais projetos e ser mais felizes.

Em uma entrevista sobre como melhorar com a idade, conversamos com Hugh Downs, ex-âncora do programa 20//20 e ganhador do Prêmio Emmy. Hugh tem mais de 70 anos, mas parece tão entusiasmado com a vida quanto um recém-nascido . O que mais me surpreendeu nele, entretanto, foi sua insaciável curiosidade.

Depois de passar uma hora a seu lado, percebi que não existe assunto que Le não se disponha a discutir com franqueza a inteligência. Encerrada a entrevista, uma ideia obvia me ocorreu: a juventude é uma questão de receptividade.

Quando mais tempo nos mantivemos abertos e receptivos aos milagres e desafios da vida, mais durará nossa vitalidade.

À medida que envelhecemos e passamos a enxergar o mundo através de lentes multifocais, temos que recordar que a díade melhora nossa visão interior. Com o tempo, adquirimos uma perspectiva mais saudável sobre os desafios da vida. Conseguimos manter a calma e trabalhar sob pressão, compreendemos mais nós mesmos e aprendermos a nos cuidar melhor. Sim, o amadurecimento é uma enorme oportunidade para crescer como ser humano. Nas belas palavras do poeta Longfellow, “o amadurecimento é uma oportunidade em nada inferior á própria juventude, embora sob outra aparência. E à medida que o crepúsculo se apaga, o céu se enche de estrelas, invisíveis durante o dia”.

Fonte: Aprendendo com o sucesso – Gerhard Gschwandtner

Você percebe as oportunidades á sua frente?

Uma ideia sobre “Você percebe as oportunidades á sua frente?

  • junho 21, 2013 em 4:36 pm
    Permalink

    Olá boa tarde, parabéns é uma criatividade excelente unindo o útil ao agradável,com certeza vai ter muitos satisfeitos!!! Sucesso!!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *