Liderança – Qual a diferença entre gestão centralizada e descentralizada?

Liderança – Qual a diferença entre gestão centralizada e descentralizada?

Você já ouviu falar de gestão descentralizada? Talvez você não conheça pelo nome, mas com certeza já deve ter ouvido falar de empresas em que profissionais têm mais liberdade para agir, entretanto também têm mais responsabilidades. Esse modelo é adotado por empresas como Google, Dell, Novartis e Toyota.
O sócio-diretor da consultoria de gestão Muttare,Tatsumi Roberto Ebina, explica que, para entender essa forma de gestão, é necessário comparar, diretamente, como o modelo tradicional, o qual ele denomina de “comando e controle”.
“No sistema de ‘comando e controle’, existe uma hierarquia burocrática. O trabalho do profissional no negócio é voltado para a satisfação do líder, e não do cliente. As pessoas não podem tomar decisões sem consultas. Além disso, os profissionais têm medo de errar por causa da punição que podem ter”, afirma Ebina.
Ele acrescenta ainda que, com essas atitudes, o clima organizacional fica ruim e, muitas vezes, prejudica os negócios realizados pela empresa, além de criar um clima desmotivador, principalmente para os profissionais que ocupam cargos mais baixos, que buscam ascensão e sucesso profissional.
Qual o papel do líder?
Segundo Ebina, o gestor na gestão “comando e controle, denominada centralizada, é considerado um chefe, não um líder. Já na gestão descentralizada, esse profissional tem como principal papel ser motivador de sua equipe.
“No ‘comando e controle’, o líder fica apagando incêndio. Na gestão descentralizadora, o líder motiva os outros e incentiva os profissionais a tomarem decisões. Ele faz com que as pessoas se desenvolvam o máximo que puderem”, diz.
Confiança
Para alterar uma estrutura organizacional, da gestão centralizada para a descentralizada, é necessário adotar um valor fundamental: a confiança.
“O modelo de gestão descentralizado permite que as pessoas atuem com autonomia e respondam por suas decisões, mas tudo isso só é possível se for baseado na confiança”, finaliza Ebina.

Fonte: InfoMoney

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>